quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Premio BNDES de boas práticas para Sistemas Agrícolas Tradicionais




As inscrições para o prêmio BNDES de Boas Práticas pra Sistemas Agrícolas Tradicionais, já se encontram abertas. A iniciativa é desenvolvida pelo BNDES em parceria com o Iphan, a FAO e a Embrapa e concederá premiação de R$70 a mil e R$50 mil a Sistemas Agrícolas Tradicionais. Os interessados têm até o dia 12 de dezembro para se inscrever.
Um Sistema Agrícola Tradicional é definido como um conjunto de elementos que inclui saberes, mitos, formas de organização social, práticas, produtos, técnicas/artefatos e outras manifestações associadas. Eles formam sistemas culturais que envolvem espaços, práticas alimentares e agroecossistemas manejados por povos e comunidades tradicionais e por agricultores familiares.
Até quinze SATs receberão prêmios em dinheiro, além de capacitação da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e orientação sobre como se candidatar ao Programa Sistemas Agrícolas Tradicionais Globalmente Importantes (GIAHS).
No link abaixo maiores informações de como se inscrever e regras da premiação. Outras informações podem ser obtidas também através do e-mail : premiosatbndes@embrapa.br



Prêmio BNDES de boas práticas para Sistemas Agrícolas Tradicionais

quinta-feira, 23 de junho de 2016

COMUNICADO: Conselho de Mestres de Capoeira - Reunião e votação

Prezados Mestres,
Boa tarde.

Informamos que a atual gestão do Conselho de Mestres de Capoeira do estado do Rio de Janeiro, 
que completa dois anos este mês, se estenderá um pouco mais.

A Assessoria de Patrimônio Imaterial do IPHAN-RJ está aguardando recursos para que possa organizar uma reunião e, posteriormente, 
uma nova votação a fim de renovar o Conselho.

Assim que as datas para essas ações forem definidas, informaremos aos Conselheiros por e-mail e telefone.
Contamos com a compreensão de todos.
Salvaguarda da Capoeira do Rio de Janeiro.

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Nota de Falecimento

Prezados,
É com profundo pesar que informamos o falecimento de Mestre Ivo, Conselheiro Titular e representante da Região Norte-Noroeste.


Desejamos força neste momento aos familiares.

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

3ª Reunião do Conselho de Mestres de Capoeira do Rio de Janeiro

No dia 14 de novembro de 2015 foi realizada na sede do IPHAN-RJ a 3ª Reunião do Conselho de Mestres de Capoeira do Rio de Janeiro. Estavam presentes os seguintes Conselheiros titulares: Região Metropolitana, Mestre Arerê, Mestre Berg, Mestre Bócka, Mestre Comprido, Mestre Derli, Mestre Gato, Mestre Mintirinha, Mestre Paulão Muzenza, Mestre Paulinho Salmon, Mestre Neco e Mestre Zezeu; Região Costa Verde, Mestre Garnizé; Região Norte-Noroeste, Mestre Cabeça; Região Serrana, Mestre Jadir, Mestre Pequeno e Mestre Caroço; Região do Médio Paraíba, Mestre Lindi.

Os seguintes Conselheiros suplentes estavam presentes: Região Metropolitana, Mestre Bonfim, Mestre Bebeto e Mestre Dedinho; Região Costa Verde, Mestre Esquilo; Região dos Lagos, Mestre Brizola e Mestre Pingo.
Estavam presentes também, representando o Grupo de Trabalho da Capoeira: Mônica da Costa (IPHAN), Antonina Fernandez (IPHAN), Arthur Fernandes (IPHAN), Tarisa Faccion (FCP), Caio (INEPAC), Julio Tavares (UFF), Mestre Columá e Cristiane Nascimento.

A reunião teve como proposta de pauta: 1. Leirura da ata da 2ª Reunião do Conselho de Mestres de Capoeira do Rio de Janeiro, realizada em 21/03/2015; 2. Leitura e debate da minuta do Regimento Interno do Conselho; 3. Informe sobre o Encontro Nacional de Capoeira na Serra da Barriga; 4. Intervalo para almoço; 5. Discussão de demandas e propostas para Salvaguarda da Capoeira; 6. Informes.

Após debate entre os Conselheiros e o Grupo de Trabalho da Capoeira, o Regimento Interno do Conselho de Mestres foi aprovado; segue abaixo:





Como última etapa da reunião, os Conselheiros organizaram demandas para Mestre Paulinho Salmon, representante do Conselho, levar ao Encontro Nacional de Capoeira da Serra da Barriga. 




A data da próxima reunião do Conselho será informada por telefone e e-mail.







Reunião do Conselho de Mestres de Capoeira do Rio de Janeiro - Interior do estado

No dia 13 de novembro de 2015 foi realizada na sede do IPHAN-RJ uma reunião entre os Conselheiros do interior do estado. Estavam presentes os seguintes Conselheiros titulares: Região Costa Verde, Mestre Garnizé; Região Norte-Noroeste, Mestre Cabeça; Região Serrana, Mestre Jadir, Mestre Pequeno e Mestre Caroço; Região do Médio Paraíba, Mestre Lindi. Os seguintes Conselheiros suplentes estavam presentes: Região Costa Verde, Mestre Esquilo; Região dos Lagos, Mestre Brizola e Mestre Pingo.

Participaram da reunião também, representando o Grupo de Trabalho da Capoeira: Mônica da Costa (IPHAN), Maria Luiza Dias (IPHAN), Antonina Fernandez (IPHAN), Arthur Fernandes (IPHAN), Tarisa Faccion (FCP), Luciane Barbosa (INEPAC), Caio (INEPAC) e Cristiane Nascimento.

Alguns assuntos foram debatidos: regimento interno, Encontro da Serra da Barriga, mobilização para salvaguarda e colegiado do Conselho de Mestres. 

Esta reunião, apenas com os Conselheiros que não são da capital, é promovida tendo em vista a dificuldade de todos se reunirem e organizarem as demandas para a reunião geral.

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Seminário "Capoeira: Conexões entre Patrimônio, Memória e História"

O Memorial Municipal Getúlio Vargas convida a todos para o Seminário "Capoeira: Conexões entre Patrimônio, Memória e História" que será realizado nos dias 23 e 24 de Setembro na Praça Luis de Camões s/n° - Glória. 

O Seminário tem o propósito de fomentar as discussões em torno da História da capoeira como uma herança afro-brasileira , sua patrimonialização e seu caráter de instrumento pedagógico. 

Inscrições: memorial.culturapresente@gmail.com

Programação: 

23 de Setembro

14 h: Mesa “Capoeira e Educação: Ações, experiências e possibilidades.”

“Capoeira nas escolas públicas: desafios e possibilidades”
Vitor Andrade Barcellos
Professor de História da rede municipal do Rio de Janeiro, Treinel do Grupo de Capoeira Só Angola e Mestre e Doutorando em Educação (UFRJ)

“Capoeira na Escola: primeiras aproximações, velhos desafios”
José Damiro de Moraes
Professor do departamento de Funndamentos de Educação e Contra Mestre de Capoeira Angola (UNIRIO)

“Experiências do Grupo Brincadeira de Angola: prática pedagógica da capoeira”
CM Dana Breda 
Professora de capoeira com especialização em capoeira infantil.

16 h: Exibição do filme “Jogo de Corpo: Capoeira e Ancestralidade” e debate com o diretor Matthias Assunção. 

24 de Setembro

14 h: Mesa “Capoeira Patrimônio Cultural Imaterial”

“A Capoeira e a construção de memórias”
Vera Schroeder 
Superintendente de Cultura do Estado e Capoeirista

"A Salvaguarda da Capoeira no Rio de Janeiro"
Mônica da Costa 
IPHAN – Grupo de Trabalho da Capoeira

“Roda de Capoeira - Das Senzalas à Patrimônio Cultural da Humanidade”
Mestre Paulão Kikongo 
Grupo de Trabalho Salvaguarda da Capoeira do IPHAN/RJ

16 h: Mesa Capoeira, Resistência, História e Memória

"Capoeira, Ginga, Memória Corporal: Política Cognitiva de combate ao Apartheid brasileiro" 
Julio Cezar de Souza Tavares
Professor de antropologia (UFF) / Grupo de Trabalho da Capoeira (IPHAN)”

"Capoeira, lei e repressão na cidade do Rio de Janeiro (1920-1940)"
Suzana Corrêa (Mestra em História Social pela UFF) 

Mestre Toni Vargas 
IPHAN – Grupo de Trabalho da Capoeira



segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Reuniões do Grupo de Trabalho da Capoeira nas Regiões do Rio de Janeiro

Conforme decisão tomada na última reunião do Conselho de Mestres de Capoeira - em 21 de março de 2015 -, uma das reuniões do Grupo de Trabalho da Capoeira ocorridas no mês passou a ser realizada no interior do estado, sendo cada mês uma região contemplada. 
Tal ação teve como intuito a participação de um Conselheiro representante das regiões do estado nas reuniões do Grupo de Trabalho, conforme prevê a portaria que o institui.

A primeira dessas reunião ocorreu no dia 28 de abril de 2015, em Resende, Região do Médio Paraíba. Mestre Cláudio foi o Conselheiro Titular representante do interior do estado. 


Mestre Cláudio (Conselheiro Titular - Região do Médio Paraíba); Mestre Paulão Muzenza (Conselheiro Titular - Região Metropolitana); Arthur Fernandes (IPHAN-RJ); Luciane Barbosa (GT / INEPAC); Antonina Fernandez (IPHAN-RJ); Tarisa Faccion (GT / FCP).



Em 26 de maio foi a vez de Campos dos Goytacazes, Região Norte-Noroeste, receber a reunião do GT. Mestre Touro foi o Conselheiro Suplente que representou o interior do estado.

Mestre Touro (Conselheiro Suplente - Região Norte-Noroeste); Mestre Paulão Kikongo (GT), Luciane Barbosa (GT / INEPAC); Mônica da Costa (GT / IPHAN-RJ) e Mestre Paulão Muzenza (Conselheiro Titular - Região Metropolitana).

A terceira reunião do GT aconteceu em Angra dos Reis, Região Costa Verde, na Fundação de Cultura de Angra dos Reis (Cultuar), em 23 de junho. Representando o interior do estado estavam os Conselheiros Titulares Mestre Abutre e Mestre Garnizé.

Em 21 de julho a reunião foi realizada na Região Serrana, na cidade de Paraíba do Sul. O GT foi recebido na Fundação Cultural de Paraíba do Sul, pelos Mestres Pequeno, Jadir (Conselheiros Titulares) e Malandrinho (Conselheiro Suplente).

Membros do GT, Conselheiros da Região Serrana, Mestres e Capoeiristas da Região Serrana.

Fechando o primeiro ciclo de reuniões no interior do estado do Rio de Janeiro, a quinta cidade a receber o GT da Capoeira foi Cabo Frio, Região dos Lagos, em 18 de agosto de 2015. A reunião foi realizada no Museu de Arte Religiosa e Tradicional, com a presença de Mestre Pingo, Conselheiro Suplente.

   Antonina Fernandez (IPHAN-RJ); Cristiane Nascimento (GT); Julio Tavares (GT); Mestre Pingo (Conselheiro Suplente) e Arthur Fernandes (IPHAN-RJ).

De acordo com a Portaria nº 066/2013, o Grupo de Trabalho da Capoeira tem como principais atribuições: elaborar o Plano de Salvaguarda referente à Capoeira no estado do Rio de Janeiro; articular junto aos órgãos federais, estaduais e municipais as ações e programas que poderão integrar o Plano; propor as metas físicas e orçamentárias do Plano; elaborar metodologia de monitoramento do Plano; coordenar o processo de avaliação e revisão do Plano; dentre outras.